domingo, julho 14
Shadow

Série D supera “gigantes” nacionais, e registra melhor ataque do Brasil; veja números

Manauara, líder do Grupo A1, deixa Flamengo, Palmeiras e Botafogo para trás, e tem ataque mais positivo entre todas divisões nacionais; Humaitá tem pior marca; confira detalhes

A Série D do Campeonato Brasileiro vive momentos de duelos ao extremo, entre ataques e defesas. Passadas nove rodadas da competição para a maioria dos 64 clubes que estão disputando a competição, o Manauara, com 28 gols marcados, e o Humaitá, com 22 gols sofridos são os principais destaques da lista. O Robô da Amazônia, como a equipe é conhecida, ainda tem o melhor ataque do Brasil, superando clubes como Flamengo e Palmeiras – gigantes do futebol nacional.

Até o momento, o Robô balançou as redes 28 vezes, e em apenas um jogo, o clube venceu pelo placar mínimo, de 1 a 0, sobre o São Raimundo. A média de gols marcados pelo Manauara, que lidera o Grupo A1 com 25 pontos, tem a melhor campanha da competição, com 3,1 gols por partida. De quebra, a equipe ainda tem o ataque mais positivo do país.

Confira o top 8 do melhores ataques da Série D

Manauara: 28 gols – Grupo A1

Treze: 23 gols – Grupo A3

Brasiliense: 18 gols – Grupo A5

Princesa do Solimões: 16 gols – Grupo A1

Porto Velho: 15 gols – Grupo A1

Altos: 15 gols – Grupo A2

Itabaiana: 15 gols – Grupo A4

Maringá: 15 gols – Grupo A7

Por outro lado, o Humaitá é detentor da segunda pior defesa de todas as divisões nacionais, perdendo apenas para a defesa do Ituano, 19º colocado da Série B do Campeonato Brasileiro e que em 11 rodadas da Segunda Divisão sofreu 25 gols. A média de gols sofridos por partida pelo Tourão de Porto Acre é de 2,4. A equipe acreana não marcou nenhum ponto em nove jogos.

mundao-x-humaita.jpeg.webp

São Raimundo-RR e Humaitá se enfrentam pela 8ª rodada da Série D — Foto: ge.globo

Confira o top 8 das piores defesas da Série D

Humaitá: – 22 gols sofridos – Grupo A1

Patrocinense: 21 gols sofridos – Grupo A7

Águia de Marabá: 17 gols sofridos – Grupo A1

Capital-TO: 16 gols sofridos – grupo A5

São Raimundo-RR: 15 gols sofridos – Grupo A1

Santa Cruz de Natal: 15 gols sofridos – Grupo A3

Maracanã: 15 gols sofridos – Grupo A3

Potiguar de Mossoró: 15 gols sofridos – Grupo A3

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *